Siamesas

IMAG0066

Para o aniversário da minha mãe

Eu pêlo cinza, ela muito mais linda. Ela dando jeito, abrindo buracos na caixa de sapato, eu desde pequena perdoando mais um rato. Eu tentando consertar o pássaro, ela recolhendo as penas, do meu lado, amassando as patas para o próximo vôo. Eu dormindo nas costas do sofá, ela volta de enrolar o sol no corpo. As duas em cima do armário, lambendo o silêncio, espreguiçando as falas. A gente deita juntas, divide as costas. Às vezes ela lambe minhas patas, às vezes eu lambo as dela. Todo dia a gente sonha juntas. Ela sempre é minha mãe, às vezes eu sou mãe dela.

Anúncios